PREFEITURA DE PALMAS
PREFEITURA 2

Tocantins aguarda orientações do MS sobre vacinação de crianças com Coronavac

O estado do Tocantins aguarda orientações do Ministério da Saúde para vacinar crianças e adolescentes, de seis a 17 anos, com a vacina CoronaVac.

Nesta quinta-feira (20), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu autorizar a aplicação desse tipo de imunizante em crianças e adolescentes nessa faixa etária, incluindo um veto ao uso em pessoas com baixa imunidade.

A vacinação de crianças contra Covid-19 começou nesta quinta-feira (20) em Palmas. A primeira dose do imunizante pediátrico da Pfizer foi aplicada em Maria Eduarda Alves de Sá Brito, de 10 anos. Ela tem asma e está no grupo de prioridades. O atendimento ocorreu na Unidade de Saúde da Família (USF) da quadra 1.004 Sul.

Já em Araguaína, as doses pediátricas devem começar na sexta-feira (21) e em Gurupi ainda não há definição de data. Veja como ficou o calendário nas principais cidades.

Liberação da CoronaVac para crianças
Veja, abaixo, seis pontos de destaque da decisão:

  • CoronaVac está liberada para público entre 6 e 17 anos;
  • Não pode ser aplicada imunossuprimidos, que são pessoas com baixa imunidade;
  • Aplicação está liberada para público com comorbidades (doenças ou condições prévias que agravam a Covid-19);
  • Imunização será em duas doses aplicadas em intervalo de 28 dias;
  • Vacina é a mesma usada em adultos, sem adaptação de versão pediátrica;
  • Anvisa não determinou quando começa a vacinação: distribuição de doses, cronograma e alteração de planos dependem dos estados e do Ministério da Saúde. Em SP, a aplicação com a CoronaVac já começou.

Deixe o seu Comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais