23 de julho de 2024 17:30

Tocantins

Sobe para 36 o número de medalhas do Tocantins nas Paralimpíadas Escolares 2023; veja

Publicados

sobre

Sobe para 36 o número de medalhas do Tocantins nas Paralimpíadas Escolares 2023; veja
Energisa

Os estudantes do Tocantins seguem conquistando medalhas nas Paralimpíadas Escolares 2023. Só no primeiro dia de provas, eles conquistaram 36 medalhas nas modalidades de atletismo e natação, sendo 22 de ouro. A etapa regional acontece em Brasília, até 2 de setembro, de onde sairão os finalistas que vão a São Paulo para o maior evento paradesportivo escolar do mundo.

Vitória Brito está entre os atletas de ouro. A estudante da Escola Especial Estrela da Esperança, de Guaraí, chegou ao topo do pódio nos 100m e no lançamento de dardo (T37).

Hentony Santos, da Escola Estadual Machado de Assis, de Araguanã, que já tinha garantido o ouro no salto em distância, pela manhã, acumulou mais um ouro, dessa vez, na corrida de 100m (T47). Da mesma escola, Iure Paiva foi medalhista de prata na corrida de 1500m. Ainda de Araguanã, da Escola Municipal Tiradentes, Aldaires Souza Borges conquistou sua primeira medalha de prata nos 60m (T44).

“Temos uma rotina de treinamentos intensa, os atletas são comprometidos e chegamos confiantes. É muito gratificante poder comemorar com eles cada vitória”, relatou o técnico da equipe de Araguanã, professor Rafael Gabarrão.

Jakeline Pereira Silveira, estreante e aluna da Escola Municipal de Tempo Integral Caroline Campelo, de Palmas, disputou duas provas e teve um excelente resultado com o 1° lugar no lançamento de dardo e 2° lugar no arremesso de peso (F33). “Estamos muito emocionadas e felizes com esse resultado de um esforço gigantesco que a Jaqueline tem feito para chegar aqui”, relatou a técnica Márcia Gaiola.

Os estudantes da Escola Indígena Tekator, de Tocantinópolis, também começaram bem nas disputas. Jesionita Apinajé conquistou prata na corrida 1000m (T20) e Danilo Kunum Apinajé, bronze no arremesso de peso (F37).

Sarah de Sousa Lima, da Escola Estadual Cívico-Militar Maria dos Reis, de Palmas, venceu a prova do salto em distância (T37). Na corrida 100m (T36), Maria de Lurdes Coelho, aluna da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Araguaína, chegou na frente e garantiu o ouro.

Da Apae de Porto Nacional, Yasmin Alves Lima foi ouro no salto em distância (T37). Ana Clara Cardoso, da Apae de Dianópolis, ficou com a prata no salto em distância (T20).

Vitória Araújo Santos, da Apae de Araguaína, medalhista de ouro nos 1.500m (T20), revelou a emoção de ser campeã. “Já ganhei muitas medalhas, só que toda vez dá uma alegria tão grande, como se fosse a primeira”, disse.

Ambos da Escola Estadual Machado de Assis, Alexandro Pereira de Lima venceu as duas provas que disputou: arremesso de peso e lançamento de club (F32). Também foi campeão no club, Marcos Felipe Rocha (F31).

Envie sugestões de pauta ou denúncia para o Whatsapp do Jornal Sou de Palmas: (63) 992237820

Anúncio
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conecte-se

Deixe uma resposta

Mais Vistos da Semana