15 de julho de 2024 04:25

Tocantins

Operação ‘Guardiões do Lago’ começa com fiscalização intensa no Lago de Palmas

Publicados

sobre

Operação 'Guardiões do Lago' começa com fiscalização intensa no Lago de Palmas
Ações da Operação Guardiões do Lago contemplam fiscalização aquática e terrestre - Foto: Yasmin Oliveira/Governo do Tocantins
Energisa

Tocantins – O Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) iniciou nesta sexta-feira, 7, a Operação Guardiões do Lago, que visa implementar uma fiscalização contínua no Lago de Palmas. O lançamento oficial ocorreu às 8h na base do Naturatins, localizada na Praia da Graciosa.

Fiscalização e educação ambiental

De acordo com Cândido José dos Santos Neto, gerente de Fiscalização Ambiental, a operação será conduzida em duas frentes: fiscalização aquática e terrestre. Além disso, serão realizadas ações de educação ambiental para proteger o lago. A operação conta com o apoio de diversas instituições parceiras, como o Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), a Marinha do Brasil, a Agência de Regulação de Porto Nacional, entre outras.

Renovação da portaria conjunta

Ainda nesta sexta-feira, será assinada a renovação da portaria conjunta com a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) e a Secretaria de Turismo (Setur), que proíbe a pesca profissional em todo o Reservatório da Usina Hidrelétrica Luiz Eduardo Magalhães e no Reservatório da Usina Hidrelétrica Estreito por um período de 12 meses.

A proibição não se aplica à pesca artesanal de subsistência, à pesca para consumo no local, à pesca esportiva e amadora, desde que cumpram os limites de quantidade e tamanho, e à pesca científica. Também estão permitidos o transporte, comercialização e industrialização de pescado proveniente de pisciculturas autorizadas. Essas exceções não valem para a área de dois quilômetros entre a confluência dos reservatórios e seus afluentes.

Anúncio

Mais Vistos da Semana