O vereador e vice-presidente da Comissão de Assuntos dos Direitos da Mulher da Câmara de Palmas, Marcio Reis (PSL), lamentou o mais recente caso de feminicídio na Capital. ”Com muita tristeza vi nos noticiários ontem (segunda-feira) a informação de mais um caso registrado de violência contra a mulher. É mais um caso para essa estatística que tem assombrado a população palmense, sobretudo, as nossas mulheres”, disse o parlamentar nas redes sociais.

Na sessão da manhã desta terça-feira, 21, Marcio Reis fez questão de fazer o uso da tribuna e repercutir a trágica morte de Marcela da Silva Soares, que foi torturada e morta pelo namorado na madrugada desta segunda-feira, 20, em um motel na região sul de Palmas. “Nós temos que fazer um manifesto, porque, chega, precisamos agir. Palmas está tendo muita violência, e essa violência é mais contra a mulher”, disse o vereador.

O caso

O crime teria ocorrido por volta das 23h, desta segunda-feira, em um motel localizado às margens da TO-050, no setor Sônia Regina, saída para Porto Nacional.

De acordo com testemunhas, a vítima apresentava sinais de tortura e várias perfurações no corpo, causadas por arma branca, provavelmente uma faca.

O SAMU foi acionado para atender a ocorrência, mas quando chegou ao local apenas confirmou o óbito. A Polícia Militar também esteve no estabelecimento e isolou a área para auxiliar nos procedimentos periciais.

As câmeras de segurança do motel, registraram o momento em que a vítima chega ao local na garupa de uma motocicleta com um homem.

Deixe o seu Comentário