15 de julho de 2024 06:03

Plantão Policial

Homem é preso por ameaçar, agredir e perseguir ex-namorada e amigos dela em Colinas

Publicados

sobre

Homem é preso por ameaçar, agredir e perseguir ex-namorada e amigos dela em Colinas
Energisa

Tocantins -Investigado por uma série de crimes contra sua ex-namorada na cidade de Colinas do Tocantins, um homem, de 29 anos, foi preso pela Polícia Civil (PC-TO) em Gurupi, no sul do estado, na última semana e já recambiado para Colinas.

Segundo a delegada Olodes Nobre, titular da 4ª Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e Vulneráveis (DEAMV – Colinas), o indivíduo teria descumprido medida protetiva concedida em favor de sua ex-namorada, que foi ameaçada de morte, agredida fisicamente e perseguida.

Reincidência e novas ameaças

“Por conta das agressões, ameaças e perseguições, o homem foi preso no início de maio, mas alguns dias depois obteve liberdade. Porém, no dia 19 do mesmo mês, ele novamente praticou lesões corporais e ameaças contra a mesma vítima, resultando em nova decretação de sua prisão cautelar, cumprida no último dia 4, em Gurupi”, informou a delegada Olodes Nobre. Após ser capturado, a delegada requisitou que o investigado fosse recambiado para Colinas do Tocantins para que a Polícia Civil pudesse continuar as investigações.

Histórico criminal e violência contínua

A delegada Olodes Nobre explicou que T.P.C.C. possui vários procedimentos policiais em andamento, incluindo pelo menos dois por tentativa de homicídio, além de diversas acusações de violência contra a mulher. “As investigações da PC-TO apontaram que quando as mulheres terminam o relacionamento com o investigado, ele se torna extremamente violento, ameaçando-as com arma de fogo, efetuando disparos, perseguindo e praticando lesões corporais”, afirmou a delegada.

Além das agressões às ex-companheiras, o homem também comete crimes contra amigos e familiares das vítimas, criando um contexto de violência generalizada. Atualmente, ele está preso na Unidade Penal Regional de Colinas do Tocantins, aguardando a manifestação da Justiça. O inquérito que apura as práticas criminosas está sendo conduzido pela 4ª D

EAMV e será remetido ao Poder Judiciário e ao Ministério Público para adoção das medidas legais cabíveis.

“A prisão desse indivíduo traz mais paz, segurança e tranquilidade não somente à ex-namorada, mas também aos seus familiares e amigos, que sofreram danos físicos e psicológicos devido à violência praticada por ele”, concluiu a delegada.

Anúncio

Mais Vistos da Semana