19 de julho de 2024 08:19

Editorial

Trabalhadores poderão usar FGTS Futuro para financiar casa própria; entenda nova opção de linha de crédito

Publicados

sobre

Trabalhadores poderão usar FGTS Futuro para financiar casa própria; entenda nova opção de linha de crédito
Opção estará disponível a partir de abril - Foto: José Cruz/Agência Brasil
Energisa

Em breve, os trabalhadores com carteira assinada e renda de até R$ 2.640 terão uma nova opção para adquirir a casa própria através do Minha Casa, Minha Vida. A Caixa Econômica Federal anunciou que, a partir de meados de abril, estará disponível uma nova linha de crédito que permite utilizar depósitos futuros do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como garantia.

O anúncio vem logo após o Conselho Curador do FGTS regulamentar o uso do FGTS Futuro para a compra de imóveis.

Segundo as novas regras, o trabalhador poderá autorizar a caução dos depósitos disponíveis em sua conta do FGTS por até 120 meses, facilitando assim o acesso ao crédito habitacional.

Como funciona o FGTS Futuro

Durante o processo de contratação do crédito habitacional, o banco informará ao mutuário sobre o valor da prestação e sua capacidade de pagamento, considerando os depósitos futuros. O cliente terá a opção de escolher entre a modalidade de crédito com ou sem a utilização dos recursos do FGTS Futuro.

Caso queira por utilizar o FGTS Futuro, os depósitos feitos pelo empregador serão bloqueados na conta vinculada até a quitação total do saldo devedor do financiamento. No entanto, é importante ressaltar que em caso de demissão, o trabalhador não poderá sacar o saldo da conta vinculado ao financiamento imobiliário.

Opção exclusiva na contratação

A opção pelo FGTS Futuro só poderá ser feita no momento da contratação da linha de crédito. Depois, o cliente poderá fazer uso dos recursos depositados em sua conta vinculada do FGTS, de acordo com as demais modalidades previstas em lei.

A Caixa destaca que a decisão sobre o uso desses recursos será exclusiva do trabalhador e será aplicável apenas a novos contratos de financiamento.

Anúncio

Mais Vistos da Semana