29 de maio de 2024 00:14

Editorial

Cinco anos após o crime, começa hoje o júri dos acusados de matar o jogador Daniel; RELEMBRE O CASO

Publicado em

Cinco anos após o crime, começa hoje o júri dos acusados de matar o jogador Daniel; RELEMBRE O CASO
Daniel Corrêa Freitas — Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Na manhã desta segunda-feira (18), o Fórum de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, iniciou o júri popular de sete indivíduos acusados de participação no assassinato do jogador de futebol Daniel Corrêa Freitas.

O crime, que ocorreu há cinco anos, chocou a comunidade pelo brutal assassinato do atleta de 24 anos, encontrado com graves mutilações em 27 de outubro de 2018.

A família da vítima, se deslocou de Minas Gerais ao Paraná para acompanhar o processo. Entre os acusados está Edison Luiz Brittes Júnior, empresário que confessou o assassinato de Daniel após uma festa de aniversário. A seleção dos jurados, dentre 160 convocados, seguirá critérios estabelecidos pelo Código de Processo Penal, incluindo a possibilidade de dispensa de até três jurados por cada parte sem justificativa.

Os acusados respondem por uma série de crimes, variando desde homicídio triplamente qualificado até fraude processual e coação do curso do processo. A expectativa é que o julgamento, marcado por detalhes sórdidos e controversos, prossiga até a próxima quarta-feira (20).

O caso ganhou notoriedade não apenas pelo assassinato em si, mas também pelas circunstâncias que o cercaram, incluindo a alegação de Edison Brittes de que o crime foi cometido após uma suposta tentativa de estupro por Daniel. Investigações posteriores e a conclusão do inquérito policial contradizem essa versão, apontando para uma série de inconsistências e mentiras no depoimento dos envolvidos.

Quem são os acusados e por quais crimes eles respondem?

Cinco anos após o crime, começa hoje o júri dos acusados de matar o jogador Daniel; RELEMBRE O CASO

Acusados de matarem Daniel Correa Freitas, em 2018 — Foto: Reprodução/RPC

 

  • Edison Brittes Júnior: homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima), ocultação do cadáver, corrupção de menor e coação do curso do processo;
  • Cristiana Rodrigues Brittes: homicídio qualificado (motivo torpe), fraude processual, corrupção de menor e coação do curso do processo;
  • Allana Emilly Brittes: Coação do curso do processo, fraude processual e corrupção de menor
  • David Willian Vollero Silva: Homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima) e ocultação do cadáver;
  • Eduardo Henrique Ribeiro da Silva: Homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima), ocultação do cadáver e corrupção de menor;
  • Ygor King: Homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima) e ocultação do cadáver;
  • Evellyn Brisola Perusso: Fraude processual.

Relembre o caso

Daniel Correa Freitas foi encontrado morto na área rural de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, em 27 de outubro de 2018. Ele estava parcialmente degolado e com o órgão genital cortado, segundo a polícia.

O empresário Edison Luiz Brittes Júnior confessou em entrevista à RPC e em depoimento à polícia ter assassinado Daniel.

Tudo aconteceu depois da festa de aniversário de 18 anos da filha de Edison Brittes, Allana, na noite de 26 de outubro, na qual também estava Daniel, em uma casa noturna de Curitiba. A festa continuou na manhã do dia seguinte na casa dos Brittes.

Edison Brittes alegou, em depoimento à polícia, que Daniel tentou estuprar a esposa dele, Cristiana Brittes, e que matou o jogador “sob forte emoção”.

Antes de ser agredido e morto, o jogador Daniel trocou mensagens e fotos com um amigo em que ele aparecia deitado ao lado de Cristiana Brittes.

Dois dias após o crime, Edison Brittes marcou um encontrou em um shopping de São José dos Pinhais para, segundo a denúncia, coagir testemunhas. A reunião foi registrada por câmeras de segurança.

Deixe o seu Comentário

Anúncio

Mais Vistos da Semana