15 de julho de 2024 17:41

Editorial

Carrapatos no Parque Cesamar: veja como a prefeitura controla o risco de doenças transmitidas pelos parasitas

Publicados

sobre

Carrapatos no Parque Cesamar: veja como a prefeitura controla o risco de doenças transmitidas pelos parasitas
Carrapatos no Parque Cesamar. Foto: Luciana Pires/Secom Palmas
Energisa

Palmas – A Unidade de Vigilância e Controle de Zoonoses (UVCZ) da Secretaria Municipal da Saúde (Semus) da capital realizou nesta segunda e terça-feira, dias 29 e 30, uma operação de monitoramento de carrapatos no Parque Cesamar. Essa atividade, que é parte das ações rotineiras da UVCZ, envolveu a coleta de carrapatos das capivaras que habitam o parque para análises laboratoriais. O objetivo é a triagem, identificação das espécies e investigação de possíveis contaminações.

Procedimentos e prevenção

Anderson Brito Soares, biólogo da UVCZ, explicou que a coleta ocorre em diversos pontos do parque. “Utilizamos uma flanela branca para fazer arrastamentos horizontais e verticais e, em seguida, os carrapatos aderidos são retirados com pinças e colocados em recipientes com álcool para serem enviados ao laboratório”, detalhou. O monitoramento busca identificar a diversidade de espécies de carrapatos e possíveis doenças associadas, como a febre maculosa e a doença de Lyme. Até agora, nenhum carrapato testou positivo para essas doenças, e a Semus continua a adotar medidas preventivas baseadas nos resultados do monitoramento.

Anúncio

Mais Vistos da Semana