Foto: Divulgação/PRF

Neste domingo, 25, em Brasilândia do Tocantins, Dois irmãos que trafegavam pela BR-153, foram flagrados pela Polícia Rodoviária Federal fazendo o transporte de 61 aparelhos celulares e 266 acessórios, sem nota fiscal. Por causa da irregularidade, o material avaliado em R$ 61 mil foi apreendido.

A PRF disse que os irmãos, de 31 e 35 anos, são empresários e estavam em um carro de passeio. Durante a abordagem, eles demonstraram nervosismo fora do comum.

A equipe da PRF fez a vistoria no veículo e encontrou uma mala com diversos aparelhos celulares e uma sacola com capinhas de celulares, carregadores de celular, relógios e películas.

Questionado sobre a origem dos objetos, o condutor alegou que ele e seu irmão são proprietários de uma loja de revenda de celulares em Anapu (PA). Alegou ainda que fizeram uma viagem para São Paulo com o objetivo de comprar os celulares e os acessórios e que iriam revendê-los no município, onde moram.

Disse, por fim, que não possuía documento fiscal dos aparelhos e acessórios transportados. Por causa disso, a carga foi apreendida e será encaminhada para a Receita Federal, em Palmas.

Os dois irmãos poderão responder criminalmente por descaminho.

Deixe o seu Comentário