Um processo seletivo aberto pelo Instituto Federal do Tocantins (IFTO) vai contratar tradutor e intérprete de Libras. São ofertadas seis vagas e os candidatos aprovados poderão trabalhar em qualquer uma das unidades do instituto. O regime de trabalho é de 40 horas semanais, com remuneração básica de R$ 4.180,66.

O prazo do contrato é de 12 meses, podendo ser prorrogado por igual período. O processo seletivo reserva 5% das vagas para pessoas com deficiência.

As inscrições podem ser realizadas entre os dias 20 e 31 de janeiro, mediante o envio para o endereço de email [email protected], de forma digitalizada, legível e, preferencialmente, em formato “.pdf”, com os documentos exigidos no edital. A seleção será realizada por meio de uma Prova de Desempenho em Libras, prevista para 9 de fevereiro.

Conforme o edital, são exigidas as seguintes habilitações para as vagas:

  • Curso de graduação de bacharelado em tradução e interpretação, com habilitação em Libras/Língua Portuguesa; ou
  • Curso de graduação de licenciatura em Letras, com habilitação em Libras ou Libras/Língua Portuguesa; ou
  • Curso de graduação em qualquer área com pós-graduação lato sensu (especialização) na área de Libras; ou
  • Curso de graduação em qualquer área com certificado de proficiência na tradução e interpretação da Libras-Língua Portuguesa e Língua Portuguesa-Libras (Prolibras), comprovada por certificado obtido por meio de exame promovido pelo MEC, ou por Instituição de Ensino Superior credenciada pelo MEC ou CEE, ou Instituições credenciadas por Secretarias Estaduais de Educação com Centros de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS).
  • Curso de graduação em qualquer área com certificado de curso na área de Libras com carga horária mínima de 60 horas.

Deixe aqui o seu comentário: